Empresa

História

A Lusotufo remonta a sua origem aos tempos de Manuel Marques Rola, pai e Avô dos principais obreiros e continuadores da empresa.

 

A sua actividade iniciou-se há mais de 70 anos, na cordoaria manual, num local conhecido por "Praça" e hoje lugar do Gavinho - Cortegaça, um pouco à semelhança do que acontecia por todo lado nessa zona.

 

No último trimestre de 1935, surgiu uma fábrica de tapetes e carpetes, associada ainda à indústria de cordoaria manual, sob os auspícios de Manuel Marques Rola, adoptando então a designação social de "Manuel Marques Rola & Filhos".

 

Após o falecimento em 1936 de Manuel Marques Rôla, o futuro da empresa ficou dependente da dinâmica e capacidade empreendedora dos seus sucessores, nomeadamente a de seus filhos Álvaro e David.

Até 1952 a indústria de tapeçaria viveu associada à indústria de cordoaria, sendo precisamente nesse ano que se deu a sua separação através da criação de uma nova sociedade, a Sicor – Sociedade Industrial de Cordoaria, ficando a firma "Manuel Marques Rôla, Filhos" dedicada exclusivamente ao fabrico de tapetes e alcatifas.

 

Em 25 de Abril de 1960, foi constituída a firma "Irmãos Rôla, Lda", com o objectivo de montar novas instalações anexas às da firma "Manuel Marques Rôla, Filhos", para o fabrico de alcatifas "Tufting", até então quase desconhecidas em Portugal.

 

Em 1 de Maio de 1967, por incorporação das empresas "Manuel Marques Rola" e "Irmãos Rola", é criada a empresa "Lusotufo – Indústrias Têxteis Irmãos Rolas, SARL" (agora S.A.).


Desde essa data a LUSOTUFO foi aumentando a sua capacidade produtiva e diversificando a sua oferta de produtos através da realização de novos investimentos produtivos, logísticos e comerciais, prosseguindo uma estratégia de integração vertical.


Durante as décadas de 80 e 90 destacam-se os investimentos efectuados na área dos produtos Tufados (aquisição de novos teares e máquinas de acabamento), nos produtos Bonded, nos produtos Tecidos (Wire Wilton, Axminster, Dupla Peça, Flatweave) e na produção de Fio (Mesclagem, Extrusão, Tinturaria em Rama, Fiação).


Embora caracterizada pelo seu cariz marcadamente industrial e exportador, a LUSOTUFO procurou igualmente desenvolver a sua atividade de importação e comercialização de revestimentos têxteis para o lar, procurando complementar a sua oferta de produtos no mercado nacional aos armazenistas e retalho.


Com a contrafação verificada na década de 90 nas vendas de alcatifa no mercado residencial nacional, a aposta nas importações de tapetes e outros complementos têxteis veio suavizar esse impacto, vindo a ser responsável uns anos mais tarde pelo reforço da sua presença no mercado nacional.



O Grupo é mais conhecido pela produção de alcatifas e tapetes, tendo-se mantido fiel ao seu "core business" ao longo da sua evolução. No entanto, ao longo da sua vida foi constituindo, ou adquirindo, algumas sociedades complementares à sua área, nomeadamente:
      - 1996 : LANOR – LAVADOURO DE LÃS DO NORDESTE, LDA., especializada na seleção e lavagem de lãs. Objectivo – assegurar o contínuo fornecimento de matérias primas em quantidade e qualidade pretendidas ao Grupo LUSOTUFO.
      - 2001 : LUSOLÃ – FABRICAÇÃO DE FIOS TÊXTEIS, S.A., especializada na produção de fios para alcatifas e tapetes. Objectivo - aproveitamento de sinergias, know-how e potencial de exportação na área de fios para alcatifas e tapetes;
      - 2002 : LUSOTUFO ENERGIA, S.A. – sociedade de cogeração para produção e venda de energia eléctrica/térmica.


Durante a primeira década do séc. XXI a LUSOTUFO continuou a expandir-se e a realizar investimentos avultados. Na área comercial levou a cabo diversos investimentos, incluindo a construção de novos Showrooms (Sede, Algarve e Lisboa), a aquisição de três empresas comerciais no UK, uma forte mudança do marketing e uma aposta na sua internacionalização. Na área industrial prosseguiu com o desenvolvimento de novos produtos e aumento de capacidade, destacando-se a compra de uma fiação em Seia, a TEXTILANA, S.A. (atualmente denominada LUSOLÃ, S.A.), que se dedica á produção de fios para alcatifas e tapetes.


A LUSOTUFO encontra-se instalada numa área aproximada de 90.000 m2, empregando cerca de 250 trabalhadores. A sua estrutura produtiva abrange desde a lavagem da matéria-prima até à tecelagem e acabamento, garantindo o domínio completo do processo produtivo, o que possibilita um apertado controlo da qualidade e eficácia dos processos.


É certificada pela Norma ISO 9001, e desde 1995 possui um Laboratório equipado com sofisticados aparelhos de medição e controlo, onde profissionais especializados realizam rigorosos ensaios químicos e físicos, garantindo a qualidade final dos produtos fabricados e comercializados pela empresa.


Caracterizada por uma gestão familiar, a LUSOTUFO sobressai pela aposta no valor humano e designadamente pela valorização de todos aqueles que demonstram profissionalismo e capacidade de entrega à Empresa.

Recomende o nosso site

Recomendação do site Lusotufo

Envie-nos os seus dados de contacto. Entraremos em contacto consigo.

* Nome

* Email

* Nome do seu amigo

* Email do seu amigo

* Preenchimento obrigatório